quarta-feira, 23 de outubro de 2013

IBGE lança versão integrada da Base Cartográfica Contínua na escala de 1:250.000

Base Contínua 1:25000
Como parte do Programa de Atualização Permanente da Base Cartográfica (BC250), IBGE lançou ontem  em seu portal web da Base Cartográfica Contínua do Brasil na escala de 1:250.000 (em que 1 centímetro = 2,5 km). Anteriormente dividido em blocos, a base está agora disponível como um conjunto de dados para o território nacional como um todo nessa escala.
O Programa Permanente de Atualização da Base Cartográfica visa proporcionar à sociedade com um atualizado, contínua estruturada vectorial base, integrada, arte digital cartográfica do território brasileiro como um todo, na escala 1:250.000. Ele permite a compilação de informações em relação ao posicionamento, os nomes geográficos e classificação dos elementos representados na base. Os dados vetoriais permitem aos usuários editar os dados para atender às suas necessidades.
A Base Cartográfica Contínua pode ser acessada clicando na logomarca do órgão abaixo

A edição contínua da Base Cartográfica na escala 1:250.000 foi o resultado da união e refinando os dados dos 11 blocos que compunham a primeira edição do BC250, lançado em agosto 2012 . Na edição anterior, só era possível obter informação contínua dentro de cada bloco, separadamente. A informação cartográfica foi obtida através da atualização do mapeamento existente ou um novo mapeamento, através da utilização de imagens de satélite, dados de atividades de campo e de dados fornecidos pelos institutos setoriais parceiras.
A Base Cartográfica Contínua do território brasileiro na escala 1:250.000 foi criado pelo IBGE para ser uma referência cartográfica para as ações de planejamento, monitoramento e gestão territorial, bem como para atualizar as informações sobre os recursos naturais no Brasil. Esta escala fornece uma visualização mais detalhada do que a base anteriormente disponível, na base cartográfica contínua ao Milionésimo (BCIM), em que cada um centímetro correspondia a 10,0 Km, no terreno.Base de dados é composto por sete categorias de informações.
A Base está disponível em formato geo-banco de dados, que pode ser usado por sistemas de informação geográfica e por qualquer software que lê esse tipo de dados. Sua modelagem foi implementado em conformidade com as normas técnicas da Vector Dados Geoespaciais Estrutura versão 2.1 (ET-EDGV v2.1), compreendendo 7 das 13 categorias de informação propostas: 
  1. hidrografia, 
  2. sistema de transporte, 
  3. energia e comunicações, 
  4. abastecimento de água e básico saneamento, 
  5. estrutura econômica, localidades e limites. 
As outras seis categorias (relevo, serviço social, educação e cultura, vegetação, pontos de referência e administração pública) estão programados para ser incluído em uma edição futura.

Mapa de etapas da Elaboração da BC250:



Fonte: IBGE, Comunicação Social ,22 de outubro de 2013.